Search
  • Carol Lopes

Dirigir carro blindado e veículo comum é a mesma coisa?


Não, dirigir carro blindado realmente não é o mesmo que guiar um automóvel desprotegido! Saiba o porquê



Diante da segurança proporcionada pelo sistema, mudar alguns hábitos de condução não será nenhum sacrifício. Pode acreditar! Em outras palavras, o que queremos dizer é que as adaptações necessárias são bem simples de fazer no dia a dia.

Primeiramente, é preciso compreender que, quando blindamos nosso veículo, ele ganha um peso que pode variar de 150 a 250 quilos. Dessa forma, o que vai determinar esse volume extra é o tipo de barreira balística e o modelo do carro.

Apesar de parecer uma cifra absurda, se você parar para pensar, essa quantia equivale a três adultos. Ou seja, não é que você estará dirigindo um navio, mas é como se você nunca rodasse sozinho.

Contudo, mesmo que fosse muito sacrifício dirigir carro blindado — o que não é o caso —, valeria a pena pela sua segurança e de sua família, concorda? Porém, a boa notícia é que é bem fácil de se adaptar. Quer saber como? Então venha com a gente e aprenda a ficar tranquilo com seu blindado!


Freios.


Dirigir carro blindado requer um certo cuidado na hora de acionar os freios. Por esse motivo, procure manter uma boa distância dos veículos da frente e de trás. Afora isso, nas curvas, por causa do volume maior da estrutura, a inclinação é mais acentuada. Tal fenômeno acontece também por causa do peso considerável dos vidros, que ficam justamente na parte mais alta das laterais.

Assim, reduza a velocidade antes de entrar em qualquer curva para evitar acidentes, principalmente o tombamento. Agora, mesmo com um automóvel comum, é sempre bom manter a atenção redobrada nas curvas. Ou seja, esse cuidado não é nada demais para um motorista prudente.


Buracos e ondulações.


Ao dirigir carro blindado, toda cautela é pouca com depressões e elevações na pista. Dessa forma, desvie desses obstáculos. Além disso, jamais suba em sarjetas nem passe por uma lombada na diagonal.

Com esses cuidados, você vai reduzir as chances de problemas mecânicos. Também diminui a possibilidade de rachaduras no vidro blindado ou mesmo de deslocamento e danos às peças do sistema.


Portas e janelas.


Portas e janelas também merecem um carinho especial quando vamos dirigir carro blindado. Para que não ocorram fissuras no vidro, não feche nem abra as portas com eles abertos.

Essa conduta pode causar fissuras e comprometer a qualidade da blindagem. Por esse motivo, não permita que a porta fique aberta por muito tempo. Afinal, com o peso a mais, ela pode entortar ou sofrer alguma deterioração. Além disso, fica o aviso: permanecer no automóvel com as portas abertas pode comprometer a segurança, já que você estará mais vulnerável a uma ação criminosa.

Mais um dado importante: quando for acionar o deslocamento dos vidros, recorde-se de verificar se o motor está ligado. Por causa do novo volume, a abertura ou fechamento das janelas exigirão mais da bateria.

O raciocínio é simples: com dimensões mais robustas, os vidros estressam seus mecanismos de sustentação e movimento.

Apesar de esses cuidados com os vidros parecerem meio chatos, não faz muito sentido mesmo dirigir carro blindado com eles abertos. Afinal, em eventual ataque por arma de fogo, todo o investimento na sua proteção poderia escorrer por água abaixo.


Cuidados com o sol.


Outra recomendação bastante útil sobre dirigir carro blindado é não expor o veículo diretamente ao sol por longos intervalos. Nessa situação, o vidro dos automóveis blindados pode ser infestado por bolhas de ar, num processo chamado delaminação.

Quando isso acontece, a transparência do vidro reduz, bem como sua capacidade de resistir às armas de fogo. Tudo por causa do excesso de temperatura, que gera essa reação. Entretanto, com o carro em área coberta a maior parte do tempo, é possível afastar os riscos de esse defeito ocorrer.


Manutenção preventiva.


O que realmente nos faz dormir tranquilo em relação a dirigir carro blindado é ficar em dia com as manutenções periódicas. Desse modo, você detecta qualquer problema de forma antecipada, o que costuma proporcionar economia nos reparos.

Entretanto, somente empresas credenciadas pelo Exército podem blindar e fazer os consertos em veículos protegidos. Desse modo, procure uma prestadora de serviços de sua confiança, com reputação no mercado.

Como você já deve ter percebido, dirigir carro blindado é um pouquinho diferente. Apesar disso, não é nada de outro mundo. Com essas precauções, você prolonga muito mais a vida útil da blindagem.

Por falar nisso, que tal saber mais detalhes sobre essa importante solução de segurança? É simples: leia também nosso post que vai esclarecer suas dúvidas sobre a validade do carro blindado!

Related Posts

See All